9-Dicas-de-como-fazer-um-Ótimo-Marketing-nas-Redes-Sociais-

Nos dias atuais a procura por serviços levou ao aumento de criação de perfis nas principais redes sociais. No Instagram isso é mais perceptível e há inúmeros perfis de profissionais se engalfinhando pela atenção de seus seguidores. 

Mesmo que a concorrência seja grande ainda assim se faz necessário um marketing bem feito nas redes sociais. Não que você precise estar presente em todas mas tem que avaliar em quais delas o seu produto ou serviço terá o destaque merecido. 

É com base nisso que hoje vou dar algumas dicas de como realizar campanhas de marketing bem feitas e que geram resultados. 

Bora lá!

1. Por que você está criando seu perfil?

Não crie um perfil, seja no Instagram ou Facebook somente por criar. Tenha em mente o porque você quer marcar a sua presença ali. Pense, valide e tenha certeza de que o ambiente é propício para que sua marca cresça de forma escalável. 

Uma ótima pergunta para você iniciar é: Qual a minha oferta?

Um pouco confuso? Vamos explicar!

Oferta é o objetivo do negócio. É a qualidade que sua marca ou produto tem para resolver determinado problema. Em resumo, você tem que pensar para o que você existe!

2. Sua persona

Você já sabe o por que você existe, agora é preciso personificar a sua marca. Com base no seu público alvo e no seu negócio você irá criar a sua persona. 

Persona é um personagem fictício que representa o cliente ideal de uma empresa e é baseado em dados de clientes reais (como: comportamento, dados demográficos, problemas e objetivos). A buyer persona é uma ferramenta de segmentação de mercado e é a base do Marketing Digital.

3. Sua biografia

Antes de mais nada entenda que chamamos de bio (nome reduzido) ou biografia todas as informações que sua página principal de perfil possui. Serve para ambos: Instagram e Facebook.

Dizem que a primeira impressão é a que fica, certo?

Então faça valer esse ditado! o primeiro contato de todo visitante com o seu produto ou marca é a sua bio. Por meio dela, as pessoas saberão do que é a sua oferta. Deixe o mais claro possível qual o seu nicho, quais os diferenciais de seu produto, qual a missão de sua marca, quais os elementos que compõe o seu dia a dia e etc. 

Dica: use hashtags para deixar o seu conteúdo mais atrativo para os algoritmos das plataformas. Assim seu perfil será otimizado para os sistemas de buscas. 

4. Criação de sua Identidade Visual

Uma vez que você colocou aquele texto bonitão e chamativo na bio falta ainda um outro grande fator de importância. Você tem que deixar uma lembrança visual para que as pessoas saibam quem é você só de bater o olho no feed ou stories. 

Para deixar essa “lembrança” é que serve a identidade visual. Com base em conceitos de design, elabore elementos visuais como logo, cores, fontes e diagramação que deixarão suas criações com a sua “cara”. Algo que diferencie você do resto. Aproveite para imprimir aqui o seu DNA, a sua essência.

5. Conteúdo que converte

Podemos fazer a analogia que é bem pertinente aqui. A sua relação com o cliente é como se fosse um namoro. Você precisa ter o que falar para que a outra pessoa sinta-se cativada de alguma forma. Só assim ela achará você interessante o suficiente para aprofundar o relacionamento. Isso também funciona para o seu produto ou marca. Crie conteúdos atraentes e que visem a conversão dos leads em clientes. 

Dica: não vá na “onda” dos sabichões que falam que você precisa postar todos os dias para ter relevância nas plataformas. O importante aqui é o seu conteúdo ser chamativo o bastante para que os seus seguidores e leads sejam impactados. Através desse impacto é que os leads deixarão de ser simplesmentes seguidores para algo melhor, compradores. 

6. Calendário de postagens

Organização é bom e todo mundo DEVERIA gostar. Digo isso porque eu mesmo não era tão organizado assim mas aprendi ao longo do tempo que isso só me prejudicava. 

Elabore um calendário do que você vai postar nas semanas seguintes. Crie cada post pensando no resultado que você quer. E deixe claro para sua audiência o que você quer que ela faça. 

Dica: não deixe muitas coisas para sua audiência fazer. Se for fazer um carrossel no Instagram deixe UMA só coisa por vez em cada tela. Do contrário você deixará o seu público confuso com tanta informação. 

7. Anúncios pagos

Acabe com o mito de que pagar é ruim. Anunciar é muito bom se você sabe como fazer. Isso deixará seu produto em evidência de forma mais rápida do que esperar o crescimento orgânico. 

Esse é um ambiente perigoso para os novatos e sugiro a você que contrate alguma empresa ou profissional que saiba o que está fazendo. É muito fácil perder dinheiro em campanhas pobres e feitas de forma errada. 

8. Engaje com seu público

Reserve um tempo para conversar com o seu público. O mais difícil que é a atenção deles você já tem. Então use isso a seu favor e converse com eles.

Saiba como o seu produto ou marca é recebido, receba feedbacks e implemente melhorias. Assim a sua audiência saberá que sua marca é atuante e está sempre preocupada em oferecer a melhor experiência para eles. 

9. Evite sorteios

Uma febre que acontece muito no Instagram e Facebook são os sorteios. Minha principal dica aqui é evite-os. Se você não for um influencer ou se sua marca não for grande e conhecida o suficiente, esqueça. 

Já vi muita gente perdendo seguidores depois que os sorteios acabam. Isso acontece por que as pessoas passarão a te seguir por conta do prêmio. Uma vez que isso passe, você deixará de fazer sentido para eles e o risco de perda de seguidores é muito grande. 

Tenha o foco do por que você está fazendo isso. Novamente aqui, a dica é saber onde você quer chegar com isso. Se for só aumento de seguidores, deixe pra lá. Elabore outras formas de atraí-los. 

Bom, essas são 9 formas de deixar o seu marketing nas redes sociais um pouco mais atraente. Se você gostou e esse conteúdo foi de valor para você, comenta aí nas caixinhas abaixo e deixe o seu feedback. 

Um grande abraço e sucesso sempre!

Maurício Faccin Dec

Sou designer digital de formação e atuo no mercado digital há 20 anos. Já passei por empresas grandes como Veja, Editora Abril, Canal Ideal e Rede Bandeirantes. Trabalhei com clientes de todos os portes e minha meta atual é inspirar pessoas a oferecer serviços diferentes e que melhorem a vida de seus clientes.

Deixe uma resposta